Agendar Consulta | (11) 94007-6113
Fechar
Icone Newsletter
Inscreva-se na nossa newsletter

Inscreva-se e receba em primeira mão novidades e materiais exclusivos sobre Reprodução Humana produzidos pela Dra. Fernanda Valente.

Fique tranquilo que o seu e-mail estará a salvo conosco. Nós também não gostamos de SPAM!
Nome completo:

Correção de Varicocele

970


Os testículos são as glândulas sexuais masculinas responsáveis pela produção dos espermatozoides. Anatomicamente, os testículos ficam fora do corpo porque precisam permanecer em uma temperatura mais baixa que a corporal. Portanto, algumas alterações dessas condições podem levar o homem à infertilidade.

A varicocele é um dos fatores de infertilidade masculina. Como ela provoca a dilatação das veias presentes na região dos testículos, num processo similar às varizes, a circulação do sangue fica prejudicada, provocando um aumento da temperatura local e, consequentemente, danos à produção de espermatozoides. Dessa forma, o homem pode apresentar alterações na quantidade e qualidade dos espermatozoides no sêmen ejaculado e não conseguir engravidar sua parceira.

No entanto, embora seja uma doença que pode causar a infertilidade, são apenas nos casos mais graves que isso costuma ocorrer.

Para esses casos, é indicada a correção cirúrgica da varicocele, uma intervenção feita para melhorar a circulação do sangue na região dos testículos.

Indicações da correção da varicocele

A correção cirúrgica da varicocele só é indicada em casos de infertilidade masculina em decorrência da doença, diagnosticada por exames de imagem, como ultrassom dos testículos, e, principalmente, pelo exame físico do paciente. Normalmente, a presença de varizes testiculares é assintomática, mas, em casos mais importantes, pode causar dor ou sensação de peso e também aumento dos testículos. Nessas situações, a cirurgia também pode ser benéfica para o paciente, independentemente de seu desejo reprodutivo.

O procedimento cirúrgico de correção

Não existem estudos que comprovem a eficácia de tratamento medicamentoso para a varicocele, por isso a indicação sempre é cirúrgica.

Existem algumas técnicas que podem ser utilizadas para corrigir a varicocele, como a embolização das veias dilatadas e a laparoscopia, mas a que oferece melhores resultados é a técnica microcirúrgica subinguinal.

A cirurgia subinguinal é realizada em ambiente hospitalar, com anestesia, e tem duração de cerca de 2 a 3 horas.

As veias da região dos testículos são extremamente finas e a utilização de um microscópio especializado com grande capacidade de aumento pode trazer benefícios ao procedimento. Com esse recurso, apenas as veias doentes serão manipuladas, preservando-se os vasos linfáticos e as artérias, importantes para a manutenção do ambiente testicular ideal. Depois da anestesia, o cirurgião faz uma pequena incisão na região inguinal para chegar ao cordão espermático e aos testículos e realizar o procedimento, seccionando as veias dilatadas.

Sucesso da correção de varicocele

Os resultados da correção de varicocele demoram a aparecer. Somente depois de 6 a 12 meses uma melhora nas condições seminais começa a ser vista no espermograma, pois a espermatogênese leva algum tempo para se restabelecer.

No entanto, os índices de sucesso são altos. Cerca de 70% dos homens apresentam melhora das condições seminais, elevando as possibilidades de gravidez natural.


Compartilhe:

Facebook Whatsapp Linkedin

Último Post:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *